Home Aula de canto Segunda Voz – Teoria (Aula 1)
Segunda Voz – Teoria (Aula 1)

Segunda Voz – Teoria (Aula 1)

0
0

Oi pessoal do Cifra Club! Eu sou Natália Sandim e o tópico da lição de hoje é a harmonia vocal Bem, eu vou falar sobre as bases teóricas usado para construir uma harmonia vocal e vou dividir este assunto em duas lições Nesta primeira lição, você entenderá um pouco sobre os principais conceitos relacionados a este como, por exemplo, da melodia intervalos, harmonia, entre outros E no segundo, vou dar um exemplo, mostrando na prática como podemos criar uma harmonia volal Mas a coisa é, criar um pensamento vocal harmonia em questões musicais mais teóricas não é uma tarefa simples requer um estudo de longo prazo e profundo E o que farei nessas lições é falar sobre os princípios mais básicos usados ​​nessa construção, ok? Então vamos lá! Vamos começar falando sobre um conceito muito importante, que é a melodia Melodia é uma seqüência de notas que tem um sentido musical Uma música pode ter uma ou mais melodias e um deles se destacará dos demais que pode ser chamado de linha de melodia principal As notas que usamos para construir a melodia são tirados de escalas musicais Então vamos entender quais são as escalas Escalas As escalas musicais são grupos de notas, arranjados lado a lado isso é uma distância exata entre eles Eles são a base para construir a linha de melodia É como escala era uma caixinha com anotações em que poderíamos ir escolhendo as notas, fazendo combinações e vai construindo a melodia que queremos Bem, existem vários tipos de escalas e cada um tem um som específico A escala organiza uma certa quantidade de notas e eles podem ser combinados para compor melodias também pode ser "empilhado" para formar os acordes Agora vamos falar um pouco sobre acordes Acordes Chord é um grupo de três ou mais notas musicais que soa simultaneamente, ou seja, ao mesmo tempo Existem vários tipos de acordes e os mais básicos são chamados de tríades Eles têm esse nome porque eles são compostos de três notas A primeira nota do acorde é chamada fundamental ou tônica porque é a nota que define o nome do acorde A próxima nota é a terceira isto porque de acordo com a ordenação de notas musicais, é a terceira nota depois do fundamental qual é a primeira nota do acorde Então seguindo, temos a última nota deste tipo de acorde, que é chamado de 5º Isso porque é a quinta nota que aparece depois da raiz Então, em suma um acorde básico consiste em três notas sendo o primeiro, o terceiro e o quinto Para facilitar a compreensão, basta dar uma olhada neste exemplo Vamos pegar o acorde C maior É formado pelo fundamental qual é o C para o C 3, que é o E e para o C 5th qual é o G Como eu disse, existem vários tipos de acordes e eles podem ter muitas formas sugerindo algumas sensações diferentes quando as ouvimos como tensão, por exemplo O grupo de acordes em uma música é chamado harmonia e podemos dizer que a harmonia está relacionada ao acompanhamento da música por exemplo no caso de uma música acompanhada por um violão podemos dizer que a guitarra está tocando a harmonia e a voz cantando a melodia Bem, agora vou juntar os conceitos que expliquei e eu vou começar falando sobre harmonia vocal Só dê uma olhada Quando uma música tem duas melodias, isso significa duas vozes podemos dizer na maioria dos casos que um deles é a melodia principal ou a voz principal e o outro é a voz de fundo A harmonia vocal (voz de fundo) será sempre com a voz principal e assim as notas devem corresponder às notas da melodia principal Bem, como eu disse antes a melodia de uma canção é construída com base nas notas das escalas E além disso ter essa relação com escalas também tem relação com a harmonia isso porque a melodia de uma música também deve combinar com as notas de acordes E com a voz de fundo não é diferente como a voz de fundo não é nada mais do que outra voz, outra melodia nesta canção Então, outra coisa que devemos considerar quando estamos compondo harmonia vocal é que as notas da melodia também deve coincidir com as notas dos acordes Mas, tem uma coisa as notas que devem combinar são as que acontecem ao mesmo tempo, ok? Uma coisa interessante é que a segunda voz pode ser maior ou menor que a primeira voz e não precisava seguir os mesmos movimentos da melodia principal ou seja eles podem se mover pelo contrário, paralelos, etc bem, com essa liberdade de movimento que existe entre as vozes, as distâncias entre as notas que ocorrem ao mesmo tempo podem variar, aumentando ou diminuindo e para aquela distância entre as notas, damos o nome de Interval Intervalo é a distância entre duas notas musicais sendo as unidades "tom" e "semitom" usadas para medir a distância entre as notas O menor intervalo entre duas notas encontradas na música ocidental é um semitom e o intervalo que consiste em dois semitons é chamado de "tom" As notas musicais podem ser organizadas em uma seqüência de sete notas, eles são o C D E F G UMA B Esta sequência nos guiará e nos dará a sensação de Intervalo Então, com base nisso, podemos dizer que entre o C e o D temos um intervalo de 2, isso porque D é a segunda nota de C Entre C e E, temos um intervalo de 3 isso porque E é a terceira nota de C Seguindo essa mesma lógica, entre C e o G, nós vamos ter um intervalo de 5, já que o G é a 5ª nota depois de C Existem alguns intervalos que são mais característicos de certos gêneros musicais por exemplo intervalos de 3ª aparecem muito na música country brasileira mas lembrando que eles não serão os únicos e não aparecem na música inteira tipicamente, com esses intervalos de 3, outros aparecem E isso é muito importante, como muitas pessoas pensam em fazer uma harmonia linhas vocais, apenas intervalos de 3rds e 5rds devem ser usados Na verdade, você pode usar qualquer intervalo desde que cumpra a harmonia, e os outros aspectos que discutimos nesta lição, ok? Bem, como eu disse Existem vários tipos de intervalos cada um com uma sonoridade diferente e dentro dessa sonoridade, devemos buscar aqueles que combinam e que soarão melhor dentro da música Então, mais uma coisa importante Na hora de construir uma linha de voz harmônica devemos também levar em conta os intervalos entre as notas de ambas as melodias como a harmonia da música Isso significa que não adianta se você escolher um intervalo Um terceiro ou quinto, por exemplo e construir a segunda voz de toda a música com ela Isso pode não parecer muito bem porque a criação de uma linha de voz harmonia, tendo em conta todas as regras teóricas não é tão simples, ok? Então lembre, para fazer uma linha vocal harmonia, devemos levar em conta o seguinte: As notas da linha de voz harmônica devem coincidir com as da melodia principal As notas da melodia na segunda voz, também devem coincidir com a nota sinside os acordes mas lembre-se que as notas a serem combinadas são aquelas que acontecem ao mesmo tempo A segunda voz pode ser maior ou menor que a primeira voz e não precisa seguir os mesmos movimentos da melodia principal Existem alguns intervalos que são mais característicos de certos gêneros musicais mas lembre-se que eles não serão os únicos, e também não aparecerão a música inteira Devemos considerar os intervalos entre as notas, ambas as duas melodias, como a harmonia da música e procure por "som melhor" Então é isso! Agora você já tem uma ideia de como é construída uma linha de voz harmônica e lembre-se que na próxima lição Vou dar um exemplo, para você entender como funciona esse prédio na prática, ok? Agora, uma coisa importante Para você construir uma linha de voz harmonia pensando em questões mais teóricas É necessário um estudo mais profundo sobre escalas, intervalos, harmonia, etc Além disso, ajuda se você souber tocar um instrumento então você pode ver, na prática, todas essas relações que eu falei, ok? Para assistir mais aulas em vídeo, fique ligado no Cifra Club Caso tenha alguma dúvida, deixe seu comentário abaixo Um abraço! Até logo!

tags: